Minha foto

Sou o tipo de pessoa incansável. Faço de tudo o tempo todo e gosto de construir resultados. Locutor, apresentador, colunista, escritor e defensor da língua alemã Hunsrickisch, apaixonado pela música alemã e pela culinária, tenho por hobby cozinhar, pintar quadros a óleo e tocar contrabaixo. Eletrotécnico de carreira, me aposentei nesta profissão, e agora, além de manter ainda minha oficina eletrônica trabalho como voiceover internacional em e-learnings e wbt. Amo tudo o que faço.

sábado, 3 de abril de 2010

Bissie Gelô: Phoda Feltz Chtecka nº 4

Phoda Feltz chtecka numma fia
Ouça este texto gravado aqui: Hea das graveadne chteck do hia:



PHODA FELTZ CHTEKA Nº 4

Besoffne un phódre sin tsw0i elemente wo, wen ma se tsu samma mischt, is de ratau fértig.
So, wolle mea mo es uns foa sihn weche was sôwas passiad. Ich ménne es weat wall di besoffne ken mohs hon in sain chprecherái, un so, fillmo grihn di phódre se heere was si net wollte heere.
Ene gute tóh, mitwoch's móinds wód di kérrich uff. Alles leia, ruich un gemiedlich. Uf émol, chtollbad so ene besoffne man in di kérrich un geht bis an de ónfang fon em corredoa, glaich foa em altar. Do, knied ea sich so chepp an di tritt un fengt ón mit hatte hauerái uf di chténn se kloppe, demnô uf di brust:
Fatta, ...sohn, ... hái, iiic, ooopa! ...iiic, hái, lige Gaist, AAAA, ic, Amen!
Iwa em kráits mache is saine hut uf di sait gewenselt. Ea tatscht em nô un raft ea uf mit chwirichkhéde eb ea waita beht:
Gottes im himmel noch mohl, is do aaaaalles bamblich! ...AAAwa ich, iiic, sin do hia fa mich ensch...uldige wal... ich hat faschproch ted, %c, di woch net trinke!
Alles ruich. Nohre in de sacristái heat ma bissie barulie fon iemand wo filaicht alles in órtnung am tun weat. De besoffne chtáibt sich mit de rechts hand un sed waita:
- Nach, Gottes! ...Ich sinn am wóde! ...Ic, wômmo! Só mo was!
Alles ruich. Sogó in de sacristái is alles ruich geblib. De besoffne chprecht waita:
Nach, nach, nach! ...ic, so is chlimm ich mit dea um gehn! ...Ich mache was fakead un du sehst gónics defon? ...Só mo was!
Alles ruich. Phóda Feltz, wo in de sacristai es tsaich in órtnung am reffe wód, hot dem besoffne sain chróierai net aus gehall. Do, is ea raus in di kérrich kom un sód fa de Dilo, de besoffne:
- Dilo, liwa catolic: Gottes is iets am rue fa uns sain kraft un saine segne ende woche giebe. Es helleft nics du do chróie, Gottes chleeft gans tief un giebt net wach.
De Dilo sód do:
- Putsche noch mohl! ...iiic, un ich hat gement Gottes weat fia..., chiii, ic, ...fia un tswántsich uns am ...chohne!
Do is ea bamblich uf geschti un is fort gang.

**********************

Ende woch. Sontags móinds in de Mess, wód de phóda Feltz chon am ónfenge, do kimt de bámbliche Dilo gans besoff in di kérrich rin geschlicht. Ea hot "gumoie" fa di ganse lait gesód, un sich in de ekk an ene palge fest gekutscheld.
An de Predich, wall de phóda Feltz mechtich beláidicht wód mit de chtolerai in de comunited, sód:
- Liwa lait! Unsa chtad is en chen plats, foll mit gesunte lait, gut esse, gut luft un gutte wille. Awa, so lamsam grihn ma etwas fa se crititsire.
Dilo hot fon sainem ekk nohre alles beobacht un de phóda gehead mit interesse. Phóda Feltz chpricht waita:
- Ich bin nohre so tief beláidicht mit de laus bube wo hehlich di lait faschtohle un hinnagehn. Ich bin auch sicha das hia, in dieses kirch, kaine fon de sott bube debai is. Wolle mea mal di proof mache: wea chon mohl geschtohlt hot, chtai uff!
All sin se sitse geblieb. De Dilo hot um sich rom gekukt fon em plats wo ea geschtan hot, do sóra chpliisich:
- Putsche, phóda! Sin nohre mea tswói iwrich geblieb!
(Ieda elichkaite sin nua cointsidense).

------------------------------------

TRADUÇÃO:

Histórias do Padre Feltz número 4

Bêbados e padres são dois elementos que quando a gente mistura, a bagunça está feita.
Então, vejamos porque isto acontece. Eu acredito que é porqu os bêbados não tem medida em suas palavras e assim, muitas vezes os padres acabam ouvindo o que jamais ouviriam.
Um belo dia, quarta de manhã a igreja estava aberta. Tudo vazio, silencioso e calmo. De repente, vem tropeçando para dentro da igreja um bêbado, vai cambaleando até o início do corredor, defronte do altar. Então, ele se ajoelha torto no degrau e começa com batidas altas do sinal da cruz na testa, depois no peito:
- Pai, ...filho, ...iiic, ops, ...iiic, espírito santo, aaaaa, amém!
Durante o sinal da cruz seu chapéu rolou para o lado. Ele tateou em sua direção, o apanhou com dificuldades enquanto continuou a rezar:
- Meu Deus do céu, como tudo está bamboleante! ...Mas eu, iic, estou aqui para me ....desculpar porque... prometi ...iic... que não iria beber esta semana!
Tudo quieto. Só na sacristia se ouvia um pouco de barulho de alguém que, talvez, estivesse colocando tudo em ordem. O bêbado se apóia com a mão direita e continua a falar:
- Então, Deus! ...Estou esperando! ...Iiic, vamos! Me diz algo!
Tudo quieto. Até na sacristia tudo silenciou. O bêbado continuou falando:
- Então, então, então! ...ic, assim é difícil de lidar contigo! ...Eu cometo um erro e tu não dizes nada a respeito? ...diga algo!
Tudo quieto. Padre Feltz que se encontrava na sacristia colocando tudo no lugar, não aguentou as lamúrias do bêbado. Então ele saiu para a igreja e disse para o Dilo, o bêbado:
- Dilo, prezado católico: Deus está repousando agora para dar sua força e sua bênção no final de semana. Não adianta você gritar, Deus dorme profundamente e não vai acordar.
O Dilo dissen então:
- Poxa! ...iiic, eu achei que Deus estava 24 horas nos protegendo!
Então ele levantou e saiu cambaleando.

*****************

Fim de semana. Domingo de manhã na missa, o padre Feltz já estava iniciando quando o Dilo entrou na igreja cambaleando. Ele disse "bom dia" a todas as pessoas e foi se escorar num pilar no canto.
Durante o sermão, porque o padre Feltz estava muito magoado com a roubalheira na comunidade, disse:
- Prezados! Nossa cidade é um belo lugar, repleto de gente saudável, boa comida, bom ar e boa vontade. Mas, devagar estamos tendo algo para criticar.
Dilo ficou do seu canto observando tudo e ouvindo o padre com interesse. Padre Feltz continuou:
- Eu só estou profundamente magoado com os malandros que robam as pessoas e as traem. Também estou certo de que aqui, nesta igreja, nenhum rapaz desta estirpe está presente. Vamos fazer a experiência: se alguém daqui já roubou alguma vez, levante!
Todos ficaram sentados. O Dilo olhou ao seu redor dali onde estava parado, então ele disse sagazmente:
- Poxa, padre! Sobramos só nós dois!
(qualquer semelhança é mera coincidência).