Minha foto

Sou o tipo de pessoa incansável. Faço de tudo o tempo todo e gosto de construir resultados. Locutor, apresentador, colunista, escritor e defensor da língua alemã Hunsrickisch, apaixonado pela música alemã e pela culinária, tenho por hobby cozinhar, pintar quadros a óleo e tocar contrabaixo. Eletrotécnico de carreira, me aposentei nesta profissão, e agora, além de manter ainda minha oficina eletrônica trabalho como voiceover internacional em e-learnings e wbt. Amo tudo o que faço.

sábado, 13 de dezembro de 2008

Bissie Gelô - Di Rantsich Tante

Ouça aqui esta história: Di Rantsich Tante.mp3


Di lait un di familie grinde sich un tsie sich in de gans welt ohne en grohs unnaschid.
Una de familie sin uma lustige un untsufriedne lait drunna. Awa, wenn do so en léhn tante debai is, wo so bai a familie wohne un mit denna leewe, dan is alles faloa.
So en untsufriedne tante, fett, léhn, un mit en hallebmêesich chpóorung uf de bank, das is di kifftist fró wo ma do kenne kan. Un wenn di una en familie lebt, dan is es ima chlimm fa di khenna sich so tsie mit si debai.
In Despic, hot bai de Schrammel familie di tante Elza gelebt. Es wód en autentisch untsufriedne fró, wo nohre wusst sich beclówe iwa alles.
Si hat so phó hoa fédemcha unna de nóos un en ferháftniss wóds mit tswói so lange bódbeschte newam maul. Si wód fet un léhn. Hat sich ni fahairrat.
Elza hot gehollef saine bruda in de ross, un alles wód chlimm. Sich so foa chaffe fa di khenna dôrrich chleppe wód net laicht. Un so en tante wi di, fa sich dôrrich trón mit dem klenem fadienst, es hot kaum genuch geb fa uf di chpór kass se drón. Un si, gródso wi di seltsamme tante, wód knicksich, fett un chpórsammich.
Si hot awa ima sich beklóbt iwa das coloniste lewe, es gehngt net me, si dêere unna gehn.
Do, en êngelche, wo ima si geheat hot sich kimmre, hot gefrod:
- Ia nach, tante, was is dan órem sin?
- Du kanst es dea net foa chtelle, Benjamin! Órem sin, is unnschraiblich!
Do hot ma khen esse, khen gelt, khen tsufriedenhéd, khen company un khen frohhéd!
- Main, tante, is das awa chlimm. Do kann ma wercklich woa net órem gewe. Was noch, tante?
- Ai órem sin, is haupsêchlich unntsufriede sinn mit alles wo um enem romm do passiat. Ma kann net faschtehn wi das dings ene foa hollt un wi alles so unnfahoft passiat. Órem sin, lisst enem emfach unntsufriede!
- Tante! - Sód de klene jung. - Jetzt wées ich was órem sin is!
- Ach so? - Sód di Tante. - Du wésst sicha chon jemand gesihn hon wo sich gródso alls mein beschreibung sich chpiichelt.
De jung sód do:
- Gewiss! un ich daure sehr di person, wall si ima bai uns is!
- Ia wea is es dan? - froht di tante. De jung sód do:
- Ai du, tante: bist rantsich, krintsich, kniksich, fett un allén. Du
must en iwa órem colonist sin!
(ieda ennlichkaite sin nua cointsidense).

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Aprendendo o Hunsrickisch 20 - Frases

Os dias da semana

No alemão Hunsrickisch, todos os dias da semana são no masculino, com excessão à Quarta-feira, que apesar de ser no feminino (Mittwoch: di mitte fon de woch), é falado no masculino, talvez, devido à analogia com o português onde Mittwoch significa: o meio da semana - ou seja, masculino.

Frases do dia e da semana:

Eu gosto das Segundas-feiras porque vejo que tenho uma semana inteira de bons trabalhos pela frente.
Ich hon génn di montache wall ich sihn das ich hon en woch folle gute órwede foa.

A manhã de Terça-feira é especial: sempre recebo a visita de minha filha. E, à tarde, quando ela vai embora, já me encho de saudades esperando a próxima terça-feira.
De denstach móind is ecstra: ima bekomme ich de besuuch maines dochta. Un mittachs, wenn es fott macht, dan fille ich mich mit fallangre am wódung de negste denstach.

Na Quarta-feira eu namoro. Pego o carro e vou até a cidade vizinha encontrar com meu grande amor.
An dem mittwoch namorire ich. Ich holle de auto un fóore bis an di nêwas chtadt fa maine grosse libe óntreffe.

Quintas-feiras minha avó sempre faz uma fornada de pães para o fim-de-semana. Apesar de ela fazê-lo à tarde, o aroma de pão fresquinho fica no ar até de noite.
Dúnnischtach's tut mein wowo ima ene backuffe foll bred mache fa di ende woch. Obwohl de si macht míttach's, blaibt de gerruch fon fresches brod in de luft bis owens.

A Sexta-feira já tem gostinho de fim-de-semana. No início da madrugada de sábado sempre tomo uma cerveja.
De fraitach hot chon en ende woche's geschmeckche. Am ónfangs sammstach foatóoh drinke ich ima en bia.

No Sábado vou às compras: vou ao supermercado, à padaria, ao açougue e na fruteira.
Am sammstach gehn ich tsu de kóofung: gehn tsum mercóde, di beckerai, dem flaischnitsla un di fruchterai.

Domingos de manhã vou à missa e depois faço um gostoso churrasco enquanto minha mulher prepara uma maionese especial. De tarde faço uma soneca e de tardezinha sentamos na frente de casa para conversar. À noite olho televisão e depois, vou dormir.
Sonntach's móinds gehn ich in di mess un demnô mache ich ene chmeckliche churaske in de tsait wo main fró en ecstra catoffle salód prepariad. No míttach halle ich en chlêfie ab un foa nacht setse mea foa's haus fa fatsele. Am owend guke ich televissóm un demnô gehn ich chloofe.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Aprendendo o Hunsrickisch 19 - DINHEIRO

Frases falando em dinheiro.

minha vó é do Brasil e ela gastou 6740 reais para conhecer os Estados Unidos.
main vovo stampt aus Brasil un si hot secs tausend, sieben hunnad fíatsich konto gastead (ou faphuft, ou fahau) fa Notamerika kenne lénne.

Não bebia água somente chopp, mas agora que ele está custando 3,60, voltei para a água.
Ich hat kéhn wassa meh getrunk nua chopp, awa iets wo de drei konto un sêchtsich vêntin am koste is, sin ich nommo retua tsum wassa.

Mulher bonita não paga, mas homem sempre paga 5 reais.
En chehn fró betsóld net, awa de mann betsóolt ima fennef konto.

Saia daqui, não quero comprar nada! Por 1,99 compro um leite e um cacetinho (pão francês para o gaúcho) !
Geh do wech, ich will nics kóofe! Fa ene mil nóin un nóintsich kóofe ich en millich un en becka bredche!

Vou vender uma vaca ao senhor Schmidt por trezentos e cinquenta reais.
Ich gehn em Herr Schmidt en kúu fakóofe fa drai hunnad un fênneftsich konto.

Eu calculei já isso, são 22 reais e 70 centavos.
Ich hon es chon gerrêchend, es kost tswói un tswantsich konto un siebtsich vêntin.

Como o gás está caro! Me cobraram trinta e oito reais!
Es de góos taia! Di hon mea acht un traissich konto cobread!

Eu vi o leite em oferta por 1 real e sessenta e nove centavos no mercado da esquina.
Ich hon gesihd di míllich am óngebot gewe fa ene mil un nóin un sechtsich vêntin an de vende fon de eskine.

Nenhum negócio dá tanto lucro quanto trabalhar honestamente: aos poucos progrides e o milhão te espera!
Khéhn gescheft gebt so fil fraigelt als êalich chaffe: lamsam gehst du fôrran un de milion wód dich!

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

BISSIE GELÔ - DI PÊCH - TRADUÇÃO

O Azar

É impressionante como tem pessoas que não têm sorte. Existem pessoas que tem muito azar e tudo na vida dá errado. Existem pessoas que não tem mais o que decidir na vida e acreditam de verdade que a vida iria terminar.
E assim aconteceu uma vez com o Arlindo. Era um homem simples da colônia, mas que se meteu em muitas dívidas. Arlindo estava no fim do seu crédito. Ele estava enlouquecendo.
Tinha perdido seu emprego, não encontrou outro emprego e estava cheio de dívidas. O banco não queria lhe emprestar mais dinheiro e os amigos, quando o viam, faziam de conta que não o estavam vendo, só para não precisar mais lhe emprestrar dinheiro.
Arlindo realmente estava decidido a se suicidar. Mas, no momento crítico, com o revólver na mão, ele pensou: "Eu deveria, pois, experimentar primeiro escrever a Deus! Quem sabe ele não me ajuda!
Assim aconteceu. Ele escreveu assim: "Deus, eu não estou bem. Não tenho mais dinheir, ninguém me empresta mais, minha esposa e meus dez filhos estão doentes e eu não sei como continuar. Se você quiser me ajudar, me mande mil reais, assim isto seria uma grande ajuda para mim."
Então ele fechou a carta e sobre o envelope escreveu: Para Deus. Endereço: Céu.
Quando a carta chegou no correio e o carteiro viu o endereço, não soube o que fazer com ela. Então ele a abriu, leu, e as tristes palavras o tocaram. Então ele mostrou a carta para os seus colegas e todos se propuseram a ajudar o homem.
Eles recolheram dinheiro de todos os lados entre os colegas, entre os clientes, entre os vizinhos, e no fim da semana tinham conseguido arrecadr novecentos reais.
Eles colocaram o dinheiro num envelope e enviaram para o remetente.
Arlindo, quando recebeu a carta, ficou fora de si com o presente. Contou o dinheiro, recontou e mais uma vez contou.
Depois de uma semana chegou nova carta para Deus no céu. Os carteiros logo abriram a carta e nela estava assim escrito.
- Querido Deus, muito obrigado pela ajuda. Mil obrigados, sinceramente! Sua remessa de dinheiro salvou a minha vida. Eu só gostaria de pedir o seguinte: na próxima vez em que quiser remeter dinheiro, por favor, remeta em cheque, porque na última vez os carteiros roubaram cem reais de mil.
(Qualquer semelhança é mera coincidência).

BISSIE GELÔ - DI PÊCH

Ouça a historinha:
Di Pêch.mp3

Di Pêch

Es is ausnams wi das lait giebt wo ken glick hon. Es giebt lait wo mêchtich pêch hon un alles im lebe geht falsch. Es giebt lait wo kene sinn me hon in em lewe un menne wercklich es lewe gehngt ans enn.
Un so is es mohl passiad mit em Arlindo. Es wód ene gewehnliche man fon de coloni, wo awa sich in mechtich fill chulde renn gemischt hat. Arlindo wód am enn fon sainem credit. Ea wód farrikt am gewe.
Hat sain órwed faloa, hat ken anna órwed gefun un wód foll chulde. Di bank wollt em ken gelt meh lehne un di fróinde, wenn si ea gesihn hon, hon se gemacht als si net ea am sihn were, nohre fa ken gelt me brauche em lehne.
Arlindo wód rackstich im sinn fas sich umm bringe. Awa, an dem crítische moment, mit em revolfa in de hand hot ea gedenkt: “Ich misst doch de êascht probire tsu Gottes chráiwe! Wea wées, Ea will net mea hillfe.”
So is es passiad. Ea hot so geschrib: “Gottes, ich sinn net gut drón. Hon ken gelt meh, niemand lehnt mea meh, main fró un main tsen khenna sin krank un ich wées nimmi wi waita mache. Wen’s du mea hellfe willst, chik mea tausend mill, so wet es mea en grohs hillf sin.”
Do hot ea de briif tsu gemacht un uf de envelop horra geschrib: Fa Gottes. Adress: Himmel.
Wi de briif in di post kom is un de post man di adress gesihn hot, wusta net was demit mache. Do horra de uf gemach, gelehst, un di trauriche wetta hon ea óngegriff. Do horra de briif fa sain golege getsaicht, un all hon se sich foa genomm dem man mit hellfe.
Si hon gellt fon alla saite samma geschaft una de colege, una de cliente, una de nôchbere, un am énn a woch, harre se gepackt nóin hunnat mil samma raffe.
Si hon es gelt in a envelop getun un dem remetent geschikt.
Arlindo, wi ea de briif bekomm hot, is ea ausasich geb mit dem geschenkt. Hot es gelt getsehlt, nommo getsehlt, un nochmo getsehlt.
Nô en woch, is nommo ene briif tsu de post komm fa Gottes im Himmel. Di post menna hon glaich de briif uf gemacht, un do drin hot geschtan:
- Liwa Gottes, sehr danke fa dain hillf. Fill danke êalich! Dain gelt sendung hot main lewe gerret. Ich wollt nohre dieses dea fallange: es negste mohl wo’s du mea gelt sende willst, bitte, send es in check, wall am letste mohl hon di post menna hunnat mil fon tausend geklemmt.
(Ieda ennlichkaite sin nua cointsidense).

domingo, 7 de dezembro de 2008

Entrevista em Hunsrickisch - texto em alemão e Português

 Esta entrevista foi realizada com Paulo Klein




gumoie
bom dia
gumoie
bom dia
Do hia bai uns hon mea hait de Klein's Paul,
Hoje conosco temos o Paulo Klein
un mea tun bissie mit dem uf plattdaitsch, hunsricka daitsch chpreche
e nós vamos conversar um pouco com ele em alemão Hunsrickisch
fa sihn wi de geschprooch lóofe tut wenn mea mitsamma chpreche tun.
para vermos como transcorre esta conversa quando falamos entre nós.
Gumoie, Paul! Gumoie Pio!
Bom dia, Paulo! Bom dia, Pio!
Fon wo chtamm's du hea?
De onde você é?
Ich senn fon de colonii fon de chtat fon Erechim!
Eu sou da colônia da cidade de Erechim!
Wi hées das plats?
Como chama este lugar?
Linha Poço Grande...
Linha Poço Grande...
Hot das ene daitsche nóome, orra?
Este lugar tem alguma denominação alemã, ou?
aah, nê, hot khé' daitsche nóome!
aah, não, não tem denominação alemã!
Das hot nohre, héest Linha Poço Grande!
Ela só tem, chama Linha Poço Grande! -
Dann hett'a imma Linha Poço Grande gesód?
Então vocês sempre disseram Linha Poço Grande?
Ia, ia!
Sim, sim!
Blaibt's wait fon de chtat wech?
Isto fica longe da cidade?
Secs un dráissich kilometa.
Trinta e seis quilômetros.
Dann... dann is das awa gans in de colonii?
Então... então é bem na colônia?
Gans in de colonii!
Bem na colônia!
Un, bis wieffel ioa wusst du khéen potugiesisch chpreche?
E, até que idade você não soube falar português?
Wie? Ich hon dain 'pergunt' net faschtann!
Como? Eu não entendi a sua pergunta!
aah... bis wieffel ioa hosst du net gewust en anna chprooch chpreche als de plattdaitsch?
Ah,... até que idade você não sabia falar outro idioma a não ser o Hunsricker?
Bis secs ioa.
até seis anos.
Bis secs ioa? Dann hon ich dich gewunn! Ich hon mit siewe ioa óngefang!
Até seis anos? Então eu te ganhei! Eu comecei a falar o português com sete anos! portugiesisch chpreche!
Bis secs ioa!
Até seis anos!
Un was wóod daine grehste bang fa in di chuhl gehn...
E qual era o seu maior temor para ingressar na escola...
...wie's du óngafang host potugiesisch lenne?
...quando aprendeste o português?
Góo khéen bang harre ich gehat!
Nenhum medo eu tive!
Dann wóost du ima mutwillich un hosst ima mit fill luste alles gellénnt?
Então tu eras sempre animado e aprendias tudo com vontade?
Ia wohl, ia!
Certamente, sim!
Un... was het dea in de colonii óngebrung?
E... o que vocês faziam na colônia?
Ai mea hon aah... in de colonii ima milhe geplantst, soja, bohne, chwain getsô...
Dann wód dea echte baure?
Então vocês eram autênticos colonos?
É que nós aah... Na colônia plantávamos milho, soja, feijão, criávamos porcos...
Io, io! Ich sen en khent fon bauasch lait!
Sim, sim! Eu sou filho de colonos!
Un weche was host du di bauaschaft uf de sait geloss?
E por que você deixou o trabalho de colono de lado?
Ai... das wód ima so chrôo gewêes weche in de tsaite hots khé' financiament geb fa di plantsung, muste di lait alles sellwa mache, un do sen ich nôo gang fa in de chtad se chaffe fa ene lohn se tsie, un... do sen ich hia no Caí chtat komm.
É... que sempre era difícil naqueles tempos porque não havia financiamento para o plantio, as pessoas tinham que fazer tudo por conta, e então eu vim atrás para trabalhar na cidade, então vim para o Caí.
Mit wieffel ioa bist du aus de colonii gang?
Com que idade saíste da colônia?
Mit fíatsen ioa!
Com catorze anos!
Fíatsen ioa?
Catorze anos?
Dann wusst'e chon di gans órwed fon de plantóoj?
Então já sabia todo o serviço da roça?
Io, io, io, io! Ich hon ima gehollef di órwed in de plantój se mache!
Sim, sim, sim, sim! Eu sempre ajudei no serviço na roça.
Hosst du khéne luste fa ene tóoh nommo tsurrick tsu de colonii?
Você não tem vontade de algum dia voltar para a colônia?
Ich hon ima geschproch: wenn ich mich aposentere ene tóoh in di colonii gehn un chaffe...
Eu sempre falei: quando me aposentar um dia, voltar para a colônia e trabalhar...
...en gut órwed?
Io io.Haitsestóohe hot machine fa alles... - ...alles, machine fa alles laichta tsu chaffe.
Sim, sim. Hoje em dia tem máquinas para tudo... ...tudo, máquinas para facilitar o trabalho.
Was betriebst du haitsestóohe?
O que você faz hoje em dia?
Ai, ich tuhn tsaitung mache un an de radio chtatsion chaffe!
Pois, eu faço um jornal e trabalho na emissora de rádio!
Un, ...gebt das dea gute luste so en órwed?
E, ...este trabalho te dá prazer?
Es giebt fill órwed awa óh gute luste, chehn se chaffe, láicht se chaffe...
Dá bastante trabalho, mas também prazer, bom de fazer, fácil de fazer...
...ima mit de lait ummgehn?
... sempre lidando com as pessoas?
io, io, ima mit de lait ummgehn, kennst ima meh dings un chafst do de foa
Sim, sim, sempre lidando com as pessoas, conheces mais coisas e trabalhas para isto
Un, eeee, meh 'amissóde' mache...
E, éeh, fazer mais amizades...
Un was ménnst du met unnsrem Hunsricka daitsch? Tud de waita gehn?
E o que você pensa sobre o nosso alemão Hunsricker? Ele vai continuar?
De misst meh waita gefiat gewwe, das misst meh 'incentiviad' gewe fa das di lait de meh chpreche.
Ele deveria ser levado adiante, ele deveria ser incentivado para que as pessoas o falassem mais.
Di lait chpreche khéhn meh Hunsricka unanna!
As pessoas não conversam mais o Hunsricker entre si!
Nêe, Nêe, di tuhn nimmi chpreche, das misst meh,... ...de hémm, ich un main fró, mea tuhn das ima noch chpreche mitsamma unnich uns.
Não, não, elas não conversam mais, isto deveria mais, ... ...em casa, eu e minha
Em ambas as línguas!
Tswói sotte? - Io!
Ambas as línguas? - sim!
No iach, Paul, dankeschehn das du bissie mit mea geschproch hosst, mea wolle hoffe das das meh mohls passire tut!
Então está, Paulo, obrigado po ter falado um pouco comigo, e esperamos que isto aconteça mais vezes!
Bitteschehn Pio, un danke das du mich gefrod hosst fa die chprechung gewe do fun.
De nada, Pio, e obrigado por ter me perguntado para estabelecermos esta conversa.
Danke!
Obrigado!

Entrevista em Hunsrickisch



Neste vídeo fiz uma entrevista em alemão Hunsrickisch com uma pessoa comum, falando das coisas do dia-a-dia. Tem a tradução da fala em legenda para um aprendizado melhor. Em breve, procuro colocar mais entrevistas.
Para ver as legendas traduzidas, caso não apareçam, clique no lado direito embaixo e marque: legendas visíveis.



Bissie Gelô - De Rothoa - Tradução

O Rúivo
Desde que o mundo gira existem pessoas infiéis. Os seres humanos ainda viviam pelas cavernas, e já as mulheres traíam os maridos e os homens já bobeavam as mulheres.
Ouve-se histórias sobre pessoas infiéis todos os dias. Muitas vezes resulta até em mortes. Sempre é difícil para quem é enganado. O ser humano, no casamento, não quer se repartir.
Na colônia ainda é mais difícil que na cidade porque lá as pessoas se conhecem e assim que isto aconteceu, toda a comunidade já fica sabendo.
Quando na traição uma criança é gerada, então o mundo está perdido. Quantos casamentos se desfizeram por causa de uma criança que foi gerada pela traição da mulher! Isto sempre está acontecendo por aí. Então as crianças sempre são parecidas com o pai ou com a mãe, ou misturadas. Mas sempre têm semelhanças com um dos dois.
Quando então a criança não se parece com os dois, então a desconfiança está aí. E assim aconteceu uma vez em Arroio Verde, perto de Feliz.
Era uma família, o homem o Pedro, a mulher, a Cecília e cinco filhos. Quatro morenos e um rúivo. Todos eram parecidos entre si. Mas o rúivo era bem difente dos outros.
O Pedro já desconfiava desde o garoto nasceu de que ele não era seu filho, então ele perguntou:
- Cecília, me diz a verdade: o pequeno rúivo com certeza é meu?
Ela respondeu:
- Sim, Pedro, por Deus do Céu! O rúivo com certeza é teu. Tu o deves amar como verdadeiro filho teu.
Mas o Pedro não tinha tanta certeza sobre o garotinho. Onde já se havia visto isto: os quatro primeiros filhos todos de cabelo preto, sem sardas no rosto e todos com um comportamento parecido. O pequeno rúivo, completamente diferente, não se deixa mandar direito e ainda por cima, tem o rosto cheio de sardas, algo que ninguém na família tem.
O tempo passou, as crianças cresceram e Pedro nunca aceitou plenamente que o rúivo fosse seu filho. Um dia, ele acabou no hospital e os médicos descobriram que ele era doente terminal. Então ele mandou vir a família. Quando a esposa estava com ele, ele disse:
- Cecília, pela última vez. Me diz a verdade porque estou morrendo e não gostaria de levar comigo uma dúvida. O rúivo é realmente meu filho?
- Então, Pedro, como não pode ser diferente, vou te dar a real: o rúivo com certeza é teu filho!
- Mas como, então? Como pode ele ser diferente dos meus outros filhos?
- Falando sinceramente, o rúivo é teu filho e os outros quatro são filhos do vizinho!
(Qualquer semelhança é mera coincidência.)

☺ Bissie gelô - De Rothoa

De Rothoa
Tsait di welt sich dreht giebt es únntrauiche lait. Di mensche honn noch in de hohle do rom gelebt, dan honn chon di frólait de mann hinnagang und di menna honn chon di frólait fa de flabbes gehall.
Do heat ma iede tóoch fon únntrauiche lait chtekka. Fillmohls gieb es bis toote debai. Es is ima chweia fa de wo hinnagang gieb is. De mensch, in a hochtzait will sich net fatéele.
In de coloni is es dann noch chlimma als wi in de chtadt, wall dort di lait sich all kenne, un so wi so was passiat is, dan gried di gans comunited es chon gewó.
Wenn in de hinnagangung dan en kent sich grind, dan is di wellt faloa. Wiefel hochtsaite sinn fagang weche en kint wo geboat gieb is mit en hinnagangung des fró! Es is ima do romm am passire. Dan sinn di khenna all éhnlich mit em fatta oda di mutta, oda famischt. Awa, honn ima en éhnlichkhét mit énem fon de tswói.
Wenn es kint dan net sich glaicht mit de tswói, dan is di unntrauung do. Un so is es mohl passiat in Grinbach, dicht an Feliss.
Es wóod en familie, de mann de Pheda, di fróo di Tsília, un fennef khenna. Fia chwatskepp un ene rothoa. Alles wóre es guri. Di fia chwatskepp wóre all éhnlich unnana. Awa de rothhoa wód gans annischta.
De Pheda hot chon tsait das guriiche uf die welt komm is, net so órich getraut es weat sain. Do horra gefrod:
- Tsília, sóo mea di wôachéd: is de klene rothoa sicha main?
Si Antwort:
- Gewiss, Pheda! Im Gottes wille! De rothoa is sicha dain. Du sollst ea liebe als en echt kint fon dea.
Awa de Pheda hat net so ene óriche palpit iwa das guriiche. Wonê het ma mo sôwas gesihn: di fia easchte khenna sin all chwatskepp, ohne sonneflekke im gesicht un honn all ene éhnliche comportament. De klene rothoa, gans ánischta, lisst sich net richtich chikke un noch debai, hot es gesicht foll sonneflekke, etwas wo kene in de familie hot.
Di tsait is fagang, di khenna sin gewakst, un Pheda hot imma net gut óngeholl das de rothoa saine jung weat. Ene tóoch, is ea in es kranke haus gefall un do honn di doktre raus gefunn es weat en krankhéd wo ea fics todbringe ted. So is es passiat. In tswói woche wód Pheda chtérblich krank im krankenhaus. Do horra di familie komme geloss. Wi di fró léhn bai em wód, do sóora:
- Tsília, tsum letstes mohl. Só mea di wôached wall ich am chtérbe sinn, un mecht net main unntraung mit nemme. Is de rothoa sicha main kint?
- No iach dann, Pheda, wenn es net ánischta sinn kann, dan gebe ich dea di wôachéd bai: De rothoa is sicha wohl dein kint!
- Ja wi so dan? Wi kann de dan so ánischta sinn alls mein andere khenna?
- Ufrichtich geschproch: de rothoa is dain kint un di andere fia sin em nôchbar sain khenna!
(Ieda ennlichkaite sin nua cointsidense.)