Minha foto

Sou o tipo de pessoa incansável. Faço de tudo o tempo todo e gosto de construir resultados. Locutor, apresentador, colunista, escritor e defensor da língua alemã Hunsrickisch, apaixonado pela música alemã e pela culinária, tenho por hobby cozinhar, pintar quadros a óleo e tocar contrabaixo. Eletrotécnico de carreira, me aposentei nesta profissão, e agora, além de manter ainda minha oficina eletrônica trabalho como voiceover internacional em e-learnings e wbt. Amo tudo o que faço.

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

HIN UN HEA - MAIN FERIE - TRADUÇÃO

Minhas férias

No mês de Janeiro eu viajei dez dias para Santa Catarina, até o mar, para descansar. É indescritível como as praias de lá são lindas. A natureza caprichou e nós tivemos dez dias de sol especiais.
Nós veraneamos na praia de Itapema. O lugar fica numa baía, de aproximadamente cinco quilômetros de comprimento. Nas duas pontas da baía, projetam-se ao mar dois morros altos, todos ainda com mata nativa, do mesmo jeito como outros morros que se pode enxergar, também estão cheios de mata nativa.
A água do mar é tão limpa, que a gente enxerga os pés a um metro de profundidade. As ondas que se formam nunca ficam maiores que um metro e sua espuma é tão branca que os olhos da gente dóem quando as olhamos por causa do reflexo do sol. É um espuma extremamente branca.
Lá não se precisa ter medo dos buracos na água porque eles não existem. A gente só precisa se cuidar par não levar um monte de beliscões de nossa esposa porque lá se vê garotas sensacionais na orla. Então simplesmente nossos olhos seguem aqueles corpos. E a gente pode optar por olhar bumbuns arrebitados ou seios pequenos, todos os estilos desfilam por lá. O mais difícil, porém é simplesmente assimilar a mente de nossas esposas na cabeça oca delas. Porque elas geralmente são burras como os burros. E a inteligência de nossa esposa é difícil de imitar.
Mas, sobre as férias, lá nós encontramos uma emissora de rádio que era especial. Ela tocava em todo o anoitecer, das seis às sete, um programa de música alemã. O locutor traduzia para o português os títulos e explicava o conteúdo de suas letras. Isto seria um programa especial que faria muito sucesso por aqui. Até as propagandas eram apresentadas em alemão e depois em português. (NOTA: ESTE TEXTO FOI ESCRITO EM 1996. HOJE APRESENTO JÁ HÁ 12 ANOS UM PROGRAMA NESTES MOLDES EM EMISSORA LOCAL E É UM SUCESSO).
As férias são tão necessárias como comer ou dormir. O ser humano precisa uma vez no ano descansar alguns dias, fazer algo diferente fora do corriqueiro. E o melhor que a gente pode fazer é pegar a família e viajar para longe para não ficar sabendo de nada de seu lugar.
Então, peguem as crianças e brinquem bastante com elas. Na areia ou com uma bola, o que as crianças querem é a sua companhia e que acompanhemos os seus brinquedos.
E assim se volta rejuvenescido da praia, completamente reciclado. Com todas as piadas que se contou, nem teria se precisado da água, mas a saúde da água salgada do mar também nos faz muito bem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário